18°C 29°C
Sarandi, PR
Publicidade

Regulamentação da profissão de sanitarista é sancionada

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou sem vetos na quinta-feira (16) a lei que regulamenta a profissão de sanitarista. A Lei 14.725, de...

17/11/2023 às 12h27
Por: Redação Fonte: Agência Senado
Compartilhe:
Relatora, Ana Paula Lobato celebra a aprovação do texto no Plenário em 24/10, com sanitaristas na galeria - Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado
Relatora, Ana Paula Lobato celebra a aprovação do texto no Plenário em 24/10, com sanitaristas na galeria - Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou sem vetos na quinta-feira (16) a lei que regulamenta a profissão de sanitarista. A Lei 14.725, de 2023 , foi publicada noDiário Oficial da Uniãodesta sexta (17) e já está em vigor.

O projeto que originou a lei (PL 1.821/2021) é de iniciativa da Câmara dos Deputados e foi relatado pela senadora Ana Paula Lobato(PSB-MA), que apontou a importância dos sanitaristas para o país durante a votação da proposta no Plenário, em outubro .

— A atividade dos sanitaristas é fundamental para a melhoria dos indicadores de saúde em nosso país. O aporte crescente de recursos para o tratamento dos doentes e a manutenção dos hospitais, por si só, não resolvem os problemas da área de saúde — afirmou a relatora.

A norma define sanitarista como o responsável por planejar e coordenar atividades de saúde coletiva nas esferas pública ou privada. Os profissionais também monitoram notificações de risco sanitário e atuam em ações de vigilância em saúde.

O sanitarista deve garantir sigilo e privacidade dos dados e informações em saúde, zelar pela segurança sanitária da população, evitando exposição a riscos e potenciais danos, entre outros deveres.

Podem atuar como sanitaristas os profissionais formados em cursos de graduação, mestrado ou doutorado na área de saúde coletiva. Também se incluem os pós-graduados em residência médica ou multiprofissional e os portadores de certificado de especialização na área. Os formados no exterior devem validar o diploma no Brasil para que possam trabalhar. Quem não tem formação pode atuar como sanitarista desde que comprove nível superior e que já tenha trabalhado na área por pelo menos cinco anos. Para trabalhar na área será necessário registro no órgão competente do Sistema Único de Saúde (SUS).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Sarandi, PR
30°
Parcialmente nublado

Mín. 18° Máx. 29°

30° Sensação
3.6km/h Vento
45% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h44 Nascer do sol
06h06 Pôr do sol
Qua 29° 19°
Qui 29° 20°
Sex 30° 20°
Sáb 31° 20°
Dom 32° 23°
Atualizado às 14h28
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,13 -0,68%
Euro
R$ 5,49 -0,24%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,37%
Bitcoin
R$ 360,372,62 -0,38%
Ibovespa
125,261,69 pts -0.25%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Anúncio